sexta-feira, 7 de novembro de 2014

OFICINA de didática na UFRR no Seminário de práticas docentes




OFICINA Didáticas relacionadas ao uso das tecnologias de informação e comunicação dentro de sala de aula.
 
OBJETIVOS: Aprender sobre os recursos tecnológicos para dinamizar as didáticas de sala de aula.
Conscientizar o aluno ao uso consciente das tecnologias.
Instrumentalizar o aluno(professor) para o uso dos recursos e ferramentas tecnológicas em sala de aula.
Desenvolver segurança no aluno(professor) para a utilização dessas ferramentas.
 
Esta oficina baseia-se na apropriação do professor de alguns recursos de tecnologia para melhorar sua comunicação e o ensino e aprendizagem dos alunos. Estende-se a todos os professores da UFRR.


  RESUMO
Inicialmente gostaríamos de retratar uma realidade brasileira percebida em casa, nas ruas, no trabalho e na vida, que é a invasão da tecnologia de informação e comunicação. Essa invasão que atinge a sociedade como um todo reflete na vida acadêmica e na relação professor e aluno.
Segundo Alexandre Costa e Silva (2013) em sua reportagem Apesar da crise, crescimento do setor no Brasil deve ser maior que a média Mundial, elucida nos que apesar de o Brasil estar sofrendo com uma crise na economia as famílias brasileiras decidem priorizar investimentos em computadores, celulares e banda larga de qualidade na intenção de dar melhor qualidade à educação dos filhos.
Percebe-se nos cursos de formação de professores, principalmente nas regiões onde o descaso pela qualidade de ensino é mais evidente. O despreparo desses cursos, em não oferecer aos futuros professores uma didática e metodologia que os ajudem a atuar como docentes em um mundo tecnológico e conectado vem trazendo um serio comprometimento ao ensino básico e fundamental, visto que o professor não consegue falar a mesma língua dos alunos.
De acordo com o IBOPE Nielsen Online, o número de usuários ativos de Internet em residências teve um aumento significativo e atinge milhões de pessoas que acessam frequentemente a web e cerca de mais 50% das famílias da classe C já possuem acesso à Internet.
Mas para garantir boas condições de Educação professores procuram se atualizar fazendo cursos voltados para a sua formação direcionados ao uso das tecnologias de informação e comunicação oferecida nos Núcleos de Educação a Distancia, em especializações e em diversas oficinas ofertadas pelas universidades publicas e particulares.
      A fim de colaborar com as ofertas voltadas as didáticas para o uso das tecnologias de informação e comunicação é que propomos nossa oficina. Essa oficina tem o caráter de informar e instrumentalizar professores, futuros professores e comunidade em geral para o uso de algumas ferramentas atuais e mais utilizadas pelos alunos por meio da internet na colaboração e no dialogo professor e aluno, investindo assim na qualidade da Educação.
         A oficina trará aos inscritos algumas didáticas, que quando bem utilizadas para o uso consciente da pesquisa e do conhecimento imerso no ambiente virtual podem oportunizar ao professor uma nova maneira de lidar com as questões, hoje tão eminentes, como as dificuldades do professor em não apoiar o uso do computador e do celular dentro de sala de aula, causando uma ruptura no dialogo entre a vida cotidiana e a vida acadêmica.
         Para isso será ministrada 4 horas de oficina que deverá oferecer métodos e ferramentas para a utilização do blog e do facebook a serem incorporadas na pratica do professor que pretende atuar nos dias de hoje. Devido ao pouco tempo da oficina outros recursos tecnológicos como a Plataforma Moodle e aplicativos de celulares não serão olhados.
        O objetivo da oficina é instrumentalizar o professor para o dialogo com o aluno dentro do contesto tecnológico e atual em que vivemos.


      Fazendo uma ponte com a disciplina Psicologia da Educação, podemos perceber que uma das teorias aplicáveis a esse tipo de didática é a de Ausubel cuja proposição é a aprendizagem significativa.
         Ausubel distingue dois tipos de aprendizagem que pode ocorrer na sala de aula:

1. No que respeita à forma como o conhecimento é adquirido 2. Em relação ao modo como o conhecimento é posteriormente incorporada na estrutura de conhecimento ou estrutura cognitiva do aluno.

      Ausubel rejeita, assim como também Piaget, a suposição de que apenas compreende-se o que é descoberto, podendo ser compreendido, também, o que é recebido. Dando um novo conceito à experiência. "Um aprendizado é significativo quando você pode se relacionar, não arbitrária e substancial (não literalmente), como o que o aluno já sabe." (Ausubel) 
       Para a aprendizagem ser significativa são necessárias algumas condições: Primeiro, o material de aprendizagem deve ter um significado em si mesmo, ou seja, as suas diversas partes devem estar relacionadas com alguma lógica, privilegiando o todo ao invés das partes o que nos faz lembrar da Teoria da Gestalt.
       Em segundo lugar, construir um material significativo para o aluno, ou seja, ele deverá, necessariamente incluir estruturas de conhecimento que devam se relacionar com a vivência do aluno, com os estudos desenvolvidos por ele e por seu gosto de aprender. 
      Para alcançar a aprendizagem de um novo conceito, de acordo com Ausubel, você precisa  construir uma ponte cognitiva entre o novo conceito e a ideia mais geral já presente na mente do estudante. Esta ponte cognitiva chamado de organizador antecede a aprendizagem nova  a fim de facilitar a sua assimilação.
Gisele






quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

TRANSDISCIPLINARIDADE E A QUEBRA DO PARADIGMA MODERNO!

Vendo algumas informações e artigos científicos sobre transdiscipinaridade percebo que o paradigma mecanicista foi rompido com a interpretação da Logica sob o olhar da física quântica, isso muda todo um sistema de coisas e relações que apoiavam a estrutura moderna do sujeito.
Quero dividir essa descoberta com vocês, pois somos 105 pessoas neste grupo de estudo e mais de 15.000 visualizações! Estou feliz que ele seja tão visitado!
Ai väo alguns artigos importantes para o entendimento acima sobre quebra do paradigma moderno e transdisciplinaridade! Boa leitura a todos!

http://www.ufrrj.br/leptrans/arquivos/complex.pdf
Complexidade e Transdisciplinaridade
Américo Sommerman

http://pt.wikipedia.org/wiki/Mec%C3%A2nica_newtoniana

http://www.brasilescola.com/fisica/o-nascimento-mecanica-quantica.htm

segunda-feira, 23 de setembro de 2013

EMENTA E PLANO DE TRABALHO DA DISCIPLINA 2013.2


 
                                                                     MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO
UNIVERSIDADE FEDERAL DE RORAIMA
CENTRO DE EDUCAÇÃO
  CURSO DE PEDAGOGIA


PLANO DE ENSINO


CRÉDITOS

CÓDIGO
DISCIPLINA
CARGA HORÁRIA
04
PE402
PSICOLOGIA DA EDUCAÇÄO ll
60h
PRÉ-REQUISITO
CENTRO
SEMESTRE LETIVO
P ROFESSOR
PE401
CEDUC

2013.2
Gisele Cristina de Boucherville


                                                                                                  EMENTA
Conceitos e características da aprendizagem. Teorias da aprendizagem. Identificando os fatores que influenciam o processo ensino-aprendizagem: fisiológicos, cognitivos, afetivos, emocionais e sociais. O estudo da motivação. O lúdico e a aprendizagem. Problemas de aprendizagem



                                                                                               OBJETIVOS
Conhecer o contexto da Psicologia da Educaçäo ll.
Entender as concepções e teorias de aprendizagem.
Identificar os fatores fisiológicos, cognitivos, afetivos, emocionais e sociais que influenciam o processo ensino-aprendizagem.
Compreender como o lúdico, a motivação e os problemas influenciam na aprendizagem.


                                                                               CONTEÚDOS

UNIDADE 1. Psicologia da Aprendizagem
1.1.  O que é Psicologia da Aprendizagem.
1.2.  Teorias da aprendizagem

UNIDADE 2. Ensino /Aprendizagem 2.2
2.1Motivação da aprendizagem
2.2Professores e alunos
2.3 A importância da liberdade
2.4 Aprendizagem criativa
2.5 Por uma aprendizagem eficiente
2.6 Avaliaçäo da Aprendizagem

UNIDADE 3. Estagio
  3.1              Estagio de 6h averiguação e observaçäo do  Ensino/Aprendizagem




METODOLOGIA DE ENSINO
Os conteúdos serão desenvolvidos mediante: aulas expositivas; leitura e análise dos textos sugeridos; discussão em grupos; exposição de slides, videos e filmes.




SISTEMA DE AVALIAÇÃO
Serão desenvolvidas duas modalidades de avaliação: avaliação discente e docente/da disciplina.
A avaliação discente será desenvolvida mediante uma avaliação escrita, correspondentes a 60% da média final Cada unidade terá uma avaliação que somara os 60%). Participação realizadas pelos alunos ao longo de todo o semestre, correspondentes a 20% da média final e Seminário com relato de estagio, correspondente a 20% da média final.
A avaliação docente/da disciplina ocorrerá mediante aplicação de questionário próprio elaborado para tal fim, ao final do semestre letivo.


REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA

Básica

PILETTI, Nelson. Psicologia Educacional. Säo Paulo: Ática, 2003

BLANCK, Guillermo. Psicologia Pedagógica: Liev Semionovich Vygotsky. Porto Alegre: ARTMED, 2003

CAMPOS, Dinah Martins de Souza. Psicologia da aprendizagem. Petrópolis: Vozes, 1987.

Complementar
FALCÃO, Gérson Marinho. Psicologia da aprendizagem. São Paulo: Ática, 2003.

GARCIA, J.N. Manual de dificuldades de aprendizagem. Porto Alegre: Artmed, 1998.

GOULART, Iris Barbosa. Psicologia da Educação: fundamentos teóricos – aplicações à prática pedagógica. Petrópolis: Vozes, 2001.

MARTINS, João Batista. Psicologia e Educação. São Paulo: Ed. Rima, 2002.



                                                                               CONTEÚDOS

Texto para aula do dia 26/09/03:
Texto capítulo ll – leitura com os alunos

 Texto para aula do dia 01/10/03:
Texto capítulo ll – discussão do texto

Texto para aula do dia 03/10/03:
Texto capítulo ll – exercício de fixaçäo

Texto para aula do dia 08,10 e 15/10/03:
Texto capítulo lll – leitura, discussão e exercicio de fixação do texto

Texto para aula do dia 17,22 e 24 /10/03:
Texto capítulo  de estagio- terão 6 horas para fazer estagio em qualquer sala de aula.

Texto para aula do dia 29,31/10 e 5 /11/03:
Texto capítulo lV – leitura, discussão e exercício de fixação do texto

 Texto para aula do dia 7, 12 e 14 /11/03:
Texto capítulo V – leitura, discussão e exercício de fixação do texto

 Texto para aula do dia 19, 21 e 26 /11/03:
Texto capítulo Vl – leitura, discussão e exercício de fixação do texto

 Texto para aula do dia 28/11; 3 e 5/12/03:
Texto capítulo Vll – leitura, discussão e exercício de fixação do texto

Texto para aula do dia 10, 12 e 17 /12/03:
Texto capítulo Vlll – leitura, discussão e exercício de fixação do texto

 Texto para aula do dia 7, 09 e 14 /01/04:
Texto capítulo lX – leitura, discussão e exercício de fixação do texto

Texto para aula do dia 16, 21 e 23 /01/04:
REVISÄO de todo estudo baseado nos exercícios de fixaçäo





________________________________________                           _______________________________________
Profª Gisele Cristina de Boucherville                                                            Coord. Graduação










Graduação / Ensino / / Plano de ensino / nov. 2013

SEJA BEM VINDA TURMA DE PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO II 2013.2- TURMA DE GEOGRAFIA!!

SEJA BEM VINDA TURMA DE PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO II 2013.2- TURMA DE GEOGRAFIA!!

É COM PRAZER QUE DOU AS BOAS VINDAS A TODA A TURMA 2013.2.
ESPERO ENCANTAR VOCÊS COM OS ENSINAMENTOS DE PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO.
ESTE BLOG TEM VÁRIOS ESTUDOS DE GRANDES AUTORES E TAMBÉM VÁRIOS ESTUDOS DE ALUNOS QUE JÁ PASSARAM POR ESSA DISCIPLINA. ESSES ESTUDOS SÃO A DINÂMICA DA APRENDIZAGEM.
DESEJO A TODOS UMA BOA VIAGEM COM DESTINO AO CONHECIMENTO!
ABRAÇOS

sexta-feira, 5 de abril de 2013

voce tem sede de quê?


[...] quando me olho no espelho, em meus olhos olham olhos alheios; quando me olho no espelho não vejo o mundo com meus próprios olhos e desde o meu interior; vejo a mim mesmo com os olhos do mundo – estou possuído pelo outro.   BAKHTIN

terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

blog da Virgina Kastrup

Gostaria que todos os alunos dessem uma olhada no blog da Virginia Kastrup
http://evolucaocriadora.blogspot.com.br/2010/01/autopoiese-e-subjetividade-virginia.html
é muito interessante a analise e o entendimento dela com relação a subjetividade, autopoiese e evolucionismo. Pesquisem! abraços 

terça-feira, 11 de dezembro de 2012

AVISO IMPORTANTE


A Pró-Reitoria de Ensino e Graduação realizará a Recepção de Calouros no dia 13 de dezembro, no auditório do curso de Medicina, nos períodos da manhã das 10h às 11h30min, tarde das 16h às 17h30min, e noite das 18h15min às 19h50min.
É importante voces participarem para receberem diversas informações, como o uso da biblioteca, do  RU, das disciplinas no DERCA e tudo mais! Compareçam!